Ocupações para os jovens do Brasil: conheça ótimas alternativas!

O Brasil ainda atravessa uma fase de desemprego alto, e apesar das melhoras no cenário econômico dos últimos esses e do cenário político a partir de 2019 – que sempre renova as iniciativas do mercado – elas são ainda tímidas e vão levar um bom tempo para retomarmos um caminho de crescimento real e constante.

E em meio a tantos profissionais procurando uma nova oportunidade, milhões de jovens a partir dos 14 anos também querem chegar ao mercado de trabalho.

São muitos que precisam trabalhar para ajudar no sustento das famílias, outros querem estar no mercado e viver novas e grandes responsabilidades – e onde o fator financeiro não pesa tanto. E independente do motivo, todos têm em comum a falta de experiência.

Mas o que pode soar como problema na maioria das empresas, é natural e bem-vindo para algumas oportunidades em um mercado de trabalho cada dia mais dinâmico e surpreendente.

São possibilidades onde não há preconceito com a inexperiência e valoriza-se a vontade de aprender constantemente, a iniciativa e o desejo de crescer sempre.

Você quer começar uma carreira profissional sem experiência? Vamos falar de algumas ocupações para os jovens do Brasil.

1 – Jovens no mercado: a experiência e o networking dos trabalhos voluntários!

Sim, começamos por uma atividade que não traz retorno financeiro – e este pode não ser o principal fator para alguns jovens buscarem o mercado.

Os trabalhos voluntários, em ONGs e associações, são extremamente ricos em experiências para o mundo profissional, tanto para as habilidades quanto para os relacionamentos.

É onde você pode vivenciar os trabalhos em grupos com responsabilidade social, enfrentar dificuldades naturais e desenvolver a resiliência, ter a noção da importância no atingimento de metas, a satisfação de cumprimento delas, e tudo em benefício da vida de outras pessoas.

E um trabalho rico de relacionamentos internos e externos que ajudam a formar o primeiro networking profissional, que poderá ser decisivo nas oportunidades do futuro.

Os trabalhos voluntários devem ser incluídos em currículo, pois hoje em dia são muito valorizados pelas empresas.

2 – Jovens no mercado: investir nas habilidades para empreender!

Os jovens sempre foram o grande para-raios das novidades tecnológicas e de comportamento das grandes empresas.

No mundo de hoje, eles também são agentes de mudança. Você já pensou nas habilidades que adquiriu até hoje com os estudos e a tecnologia? O mundo dos games, por exemplo, pode agregar muito mais do que lazer para vocês.

Existe um número crescente de jovens que estão no Empreendedorismo Digital – têm e estão adquirindo experiência tecnológica para desenvolver aplicativos, criar novos programas, participar de grupos de robótica.

3 – Jovens no mercado: o Jovem Aprendiz abre as portas do mercado!

O programa Jovem Aprendiz é uma grande iniciativa criada pelo governo federal em 2000 e destinada a capacitar e inserir jovens no mercado trabalho, dando a eles a primeira oportunidade de emprego com aprendizado.

Todas as médias e grandes empresas são obrigadas por lei a reservar parte de suas vagas para o programa Jovem Aprendiz. E o horário dele não pode coincidir com o horário das aulas, pois o jovem não deve em hipótese alguma abandonar o ensino regular.

O programa exige que o jovem esteja matriculado na rede de ensino e com idade mínima de 14 anos e máxima de 24 anos. É uma excelente forma de começar a vida profissional com seus estudos sendo valorizados.

Quer conhecer mais sobre este programa de sucesso que beneficia milhares de jovens todos os anos? Basta acessar Jovem aprendiz 2019 e saber mais!

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *