Como Alisar o Cabelo em Casa

Aprenda 3 Técnicas Para Alisar o Cabelo em Casa

Alisar o cabelo sem sair de casa é um grande sonho, não é mesmo?

Além de ser um procedimento um pouco salgado para o bolso, perdemos muito tempo, desde a espera pelo atendimento no salão. Mas é a demora do procedimento e o conforto da nossa casa que costuma gerar mais desânimo.

Hoje você pode se preparar, pois mostraremos para você diversas maneiras de alisar o gastando pouco e ainda por cima no conforto da sua casa.

Tipos de alisamento

Quando escutamos a palavra alisamento, só lembramos da parte que é o “liso” e esquecemos todo o trabalho que envolve esse processo. O termo “alisar” significa alinhar as cutículas capilares. Ao mesmo tempo, deixa o cabelo com mais brilho e fácil de lidar no dia a dia, o que a maioria de nós, mulheres, desejamos.

Antes de começar, é preciso lembrar que existem diversas formas de alisar suas madeixas. Além disso, cada uma delas possuem tempo de duração diferente uma da outra, podendo variar entre alguns dias ou semanas.

Alguns alisamentos também podem agredir muito a saúde dos seus fios. Por isso, é muito importante saber quais as opções, seus prós e contras antes de decidir qual a melhor técnica. Assim você poderá alisar seus cabelos sem perigo, sem risco de quebra ou risco de queda e sem prejuízo da saúde.

Escova

Uma das técnicas mais conhecidas, a escovação, como alguns chamam, é simples e requer poucos equipamentos. Tudo que você precisa é de uma escova cilíndrica (aquela que possuem cerdas que formam um círculo), um secador de cabelo, shampoo, condicionador e protetor térmico à sua escolha.

Modo de fazer

Passo 1: Lave os cabelos com shampoo e condicionador normalmente. Os cabelos precisam estar limpos para uma boa escovação e duração dos lisos.

Passo 2: Tire o excesso de água com uma toalha. Em seguida, separe seu cabelo em quatro partes iguais e passe o protetor térmico.

Obs: se os seus fios têm estrutura lisa ou pouco ondulada, a recomendação é que se retire mais água, pois os cabelos devem estar bem secos com a toalha antes da escovação.

Passo 3: Comece a escovar pela parte de trás da cabeça, utilizando o secador, separe uma mecha fina para que os fios sejam bem puxados com a escova. Utilize o secador ao mesmo tempo que está escovando a mecha. Mantenha-se em uma única mecha até que esteja completamente seca e alinhada.

Continue secando mecha por mecha, até chegar nas partes superiores. Ao finalizar, verifique se existe alguma parte do cabelo que precisa ser escovada novamente e corrija. Se preciso, borrife água para umedecer as partes que precisam ser escovadas novamente. E pronto, você terminou a escova!

Prós e contras da escova

Mas alto lá! Essa técnica é muito simples, mas há pontos positivos e negativos:

Prós – baixo custo, não há necessidade de produtos químicos e qualquer um pode fazer sozinho.

Contras – curta duração. Como não há químicos e o alisamento ocorre pelo calor, na primeira lavagem os fios voltarão ao normal. Assim todo o procedimento precisa ser refeito sempre que lavar os cabelos.

Chapinha

Também conhecida pelo nome de prancha. Ela é conhecida por esses nomes por descrever exatamente o que é: duas chapas (ou pranchas) retangulares de ferro com uma dobradiça que a permite fechar. Ao serem aquecidas, garantem um alisamento através do calor, assim como a escova.

O alisamento com a chapinha é bem similar ao da escova. No entanto, o cabelo precisa estar seco antes de iniciar o alisamento.

Modo de fazer:

Passo 1: Lave os cabelos normalmente e seque com um secador.

Passo 2: Separe o cabelo em quatro partes iguais e use um protetor térmico.

Passo 3: Separe em mechas e passe a chapinha da raiz até as pontas, (lembre-se que ela deve estar quente quando começar). Normalmente duas passadas na mesma mecha já é suficiente. Faça isso até alisar todo o cabelo.

Super Dica: Algumas pessoas têm o hábito de fazer os dois procedimentos nos cabelos, um seguido do outro. Isso garante fios mais lisos e com bem menos volume. A duas técnicas juntas é recomendada quando o cabelo é crespo ou muito ondulado.

Prós e contras do alisamento com chapinha

Prós – assim como a escovação, a chapinha possui um baixo custo, não há necessidade de produtos químicos e você pode fazer sozinha.

Contras – também possui curta duração, e os fios voltam ao que eram antes na primeira lavagem.

Progressiva de Chuveiro

Com nome sugestivo, essa técnica mistura a progressiva que todos conhecem e sabem da sua longa duração com a praticidade de fazer em casa.

Existem vários tipos de progressivas caseiras no mercado, mas é importante estar atento: algumas utilizam formol, um produto químico altamente tóxico.

Mas é possível fazer a progressiva de chuveiro sem utilizar formol com o Smooth Experience, um composto de ácidos frutais, com propriedades termoativas que alisa o cabelo sem danificar.

Passo a passo

Passo 1: Aplique o produto no cabelo limpo e seco, em mechas finas.

Passo 2: Deixe o produto agir pelo tempo informado nas instruções (o tempo varia de acordo com cada tipo de cabelo).

Passo 3: Enxágue o cabelo com água, retirando todo o excesso.

Passo 4: Seque os cabelos com um secador, ele irá garantir que o calor alinhe os fios. Se desejar um efeito super liso, finalize com a chapinha.

Ao contrário da escova e da prancha, essa técnica requer que você fique um tempo com o produto. Mas lembre-se que você estará no conforto da sua casa, podendo aproveitar esse tempo para fazer o que quiser.

Vantagens da Progressiva de Chuveiro Smooth Experience

Diferente das outras técnicas que falamos anteriormente, a progressiva de chuveiro possui mais vantagens, como o tempo de duração. E se você utilizar o Smooth Experience, os benefícios aumentam ainda mais. Confira:

  • Cabelo liso por até 90 dias,
  • Não danifica os fios,
  • Não tem cheiro,
  • Não arde os olhos,
  • Não possui formol.

Além de todos esses benefícios, ao utilizar o Smooth Experience para a sua progressiva, vocês ainda mesmo tempo que alisa, ele protege a fibra capilar dos fios, sem agredir os fios.

E você?  Já conhecia algumas dessas dicas? Conta aqui nos comentários.